Logo-teste

Novo secretário de Turismo é apresentado aos membros do Conselho Estadual de Turismo

Durante a 28º reunião Ordinária do Conselho Estadual de Turismo de Minas Gerais, realizada na tarde desta terça-feira (26), foram apresentadas as novas perspectivas da Secretaria de Estado de Turismo (Setur) e do Conselho Estadual de Turismo, com a chegada do novo secretário Ricardo Faria. Também foi destaque na pauta a apresentação do Mapa do Turismo Brasileiro/2016 referente a Minas Gerais. Na ocasião, o novo secretário adjunto da pasta, Gustavo Arrais, foi apresentando e a vice-presidente do Conselho Estadual de Turismo, Danielle Feyo, reeleita. “Primeiramente quero renovar os compromissos e me colocar à disposição para contribuir de forma efetiva com o desenvolvimento do turismo mineiro. Aproveito a oportunidade para reiterar minha satisfação de ter uma equipe altamente qualificada para avançar nos projetos pretendidos”, afirma Ricardo.

 Com caráter articulador, a secretaria tem condições de se comunicar facilmente com outras secretarias e órgãos. Dessa forma, ainda de acordo com o secretário, “participar desse fórum deliberativo é de grande alegria, pois é fundamental que se preconize a participação de todas as entidades que aqui se encontram para um diálogo aberto que beneficie os envolvidos”.

 Na sequência, foi apresentada a 5ª edição do Mapa do Turismo Brasileiro, elaborado pela Secretaria de Estado de Turismo. A atualização deste instrumento está prevista no Programa de Regionalização (PRT), do Ministério do Turismo (MTur), e o objetivo é apresentar um mapa que reflita melhor a realidade do setor.

 Em Minas Gerais, os trabalhos para a atualização do mapa estão em pauta desde novembro de 2015. Uma equipe da Setur esteve em Brasília, onde foram realizadas reuniões e oficinas sobre o assunto. Em uma segunda etapa, as informações foram repassadas para os Circuitos Turísticos, em encontro realizado no final do ano passado, com a presença de representantes do MTur. “A partir daí, houve todo um trabalho de sensibilização dos municípios para a importância deste mapa enquanto instrumento de fortalecimento das instâncias de governança. Através desse mapeamento, as instâncias são capazes verificar os avanços e desafios da gestão regional”, destaca a diretora de Planejamento das Políticas de Turismo, Flávia Ribeiro. Segundo a diretora, só permanecem no mapa os destinos com vocação turística, que sejam associados a um Circuito Turístico e cumpriram todos os critérios exigidos na legislação.

 Mapa do Turismo Brasileiro – é o instrumento instituído pela Portaria  MTur Nº 313, de 3 de dezembro de 2013,  no âmbito do Programa de Regionalização do Turismo, que orienta a atuação do Ministério no desenvolvimento das políticas públicas.

Este mapa define as áreas que deverão ser trabalhadas como prioridades. Ele é atualizado periodicamente, e conta com versões de 2004, 2006, 2009 e 2013. A Portaria Mtur nº205 de 9 de dez 2015, estabelece critérios para sua atualização.

Fonte da Informação: ASCOM SETUR/MG

IMG_20160426_162303

Fonte foto: Circuito Guimarães Rosa

Se gostou, compartilhe!
Compartilhar